ANTÔNIO MONTALVÃO - IDEALISMO E LUTA NO SERTÃO MINEIRO

ANTÔNIO MONTALVÃO - IDEALISMO E LUTA NO SERTÃO MINEIRO

ANTÔNIO MONTALVÃO - IDEALISMO E LUTA NO SERTÃO MINEIRO

  • Autor(es):
  • Modelo:ANTÔNIO MONTALVÃO - IDEALISMO E LUTAS NO SERTÃO MINEIRO
  • Disponibilidade:Em estoque
  • R$80,00

Lutei para dar condições de vida ao povo, para abrir o caminho do progresso econômico e social, para que o povo pudesse pensar com a própria cabeça, agir com a própria capacidade e viver dignamente, ao invés de andar como miseráveis mendigos, esmolando o favoritismo político. (ANTÔNIO LOPO MONTALVÃO, 1967). A cidade de Montalvânia, localizada na região Norte de Minas Gerais, foi fundada por Antônio Lopo Montalvão (1917-1992), idealista, autodidata, escritor, pesquisador e grande conhecedor do Sertão Norte Mineiro. Homem visionário que fundou uma cidade a partir de planos abalizados no sonho de criar um lugar que viesse atender as necessidades de um povo carente e fraquejado pela dominação do poder coronelista regional. Em busca da realização dos seus sonhos, Montalvão procurou um local para plantar a semente da sua cidade ideal; para tanto, decidiu adentrar-se pelas matas, e às margens do Rio Cochá, no dia 22 de abril de 1952, afixou uma faixa com a significativa e desafiante inscrição: “Cidade de Montalvânia”. Para a fundação de Montalvânia, ele não mediu esforços. Arquitetou a cidade, traçou a planta urbanística, doou terras, criou escolas, gerou estabelecimentos comerciais, comandou aberturas de estradas, trouxe professores, médicos, enfermeiros, entre tantos outros profissionais. Enfim, procurou criar uma infraestrutura urbana, subsidiada por seus próprios recursos financeiros. Montalvão projetou a cidade com ruas largas, avenidas ornadas com palmeiras, cujos nomes homenageiam santos, filósofos e pensadores, como Buda, Galileu, Sócrates, Platão e Confúcio, que dá nome à Avenida principal, bem como Cristo Rei, que denomina a Praça central. Além da saga da fundação de Montalvânia, em 1974 Montalvão pesquisou, catalogou e divulgou, através de cursos, revistas e jornais, as inscrições rupestres das cavernas da região. Com o passar dos anos, torna-se cada vez mais imperiosa a necessidade de registrar, documentar e também trazer para a discussão das novas gerações a trajetória desse grande idealista. Por ser Montalvânia uma cidade hodierna e possuir uma vasta memória histórica, com pessoas dos mais diferentes grupos sociais que ali vivem e testemunham o seu recente passado, a escrita deste livro centra suas discussões em depoimentos de contemporâneos de Montalvão, como também em registros recolhidos em jornais, revistas e fotografias. Retrata evidências da historicidade pessoal e grupal da vida desse extraordinário homem e da sua determinação para a fundação da cidade de Montalvânia. É uma história repleta de peculiaridades e episódios que desenraízam reminiscências das lutas travadas por Montalvão e seus aliados, contra as adversidades do poder político dos coronéis, entranhadas, por muitas décadas, no extremo Norte de Minas Gerais. 

Parametros Livraria
ISBN 978-85-411-1292-5
Acabamento Brochura
Edição
Ano 2017
Páginas 424
Altura 23
Largura 16
Peso 909gr
Idioma Português
Cidade Guanambi
Estado BA

Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado!
    Ruim           Bom